INFORMAÇÕES GERAIS

  • Destinatários: licenciados em ramos do saber relevantes aos mestrados
  • Duração: 2 anos
  • Modalidade: Presencial
  • Estrutura: 4 semestres (2 semestres lectivos, presenciais e 2 semestres de investigação independente sob orientação e defesa pública)
  • Horário: Segunda – Sexta (17:30 – 21:30); Sábado (8:00 – 12:00)*
  • Pré-requisitos: média 14 na licenciatura e aprovação no exame de acesso
  • Exame de acesso: avaliação documental e diagnóstico escrito (havendo também uma entrevista optativa)
  • Propina mensal: 90.000 kz
  • Polo: Kinaxixi

* Enquanto houver o estado de emergência, as aulas decorrerão de forma virtual pelo e-mail da turma (correspondência pontual que poderá também ser feita pelo o Whatsapp) e MUTUE (interacção pedagógica com o professor). A Universidade Metodista ainda não oferece ensino a distância ou semi-presencial.


INSCRIÇÃO – MATRÍCULA

Os mestrados na Universidade Metodista de Angola estão organizados em Faculdades. Para inscrever-se no mestrado de sua preferência,o/a candidato/a deve proceder da seguinte forma:

  • 1. rever as áreas (cursos) disponíveis. Neste momento, existem quatro cursos de mestrados;
  • 2. entender a relação entre a sua licenciatura e o mestrado escolhido;
  • 3. entender os requisitos de entrada do mestrado escolhido como por exemplo a nota média mínima na licenciatura etc. Para mais detalhes sobre os requisitos de entrada do mestrado de sua escolha, contacte a área de pós-graduação, o Decano de Engenharia (Gestão Ambiental & Economia, Ordenamento do Território e Desenvolvimento) ou o Decano de Ciências Económicas e Empresariais (Auditoria & Contabilidade e Economia & Gestão Aplicada);
  • 4. dirigir-se aos Serviços Académicos e Tesouraria para a sua inscrição e os devidos pagamentos, acompanhado de uma cópia do Curriculum Vitae e o original do diploma do grau académico previamente completado devidamente homologado pelo INAAREES; e
  • 5. submeter-se à uma avaliação documental (graus académicos, média da licenciatura, Curriculum Vitae com evidência de trabalho na área do mestrado e carreira profissional relacionada com a área de pesquisa), um diagnóstico académico e/ou uma entrevista; e
  • 6. uma vez notificado dos resultados da avaliação, do diagnóstico e/ou da entrevista, confirme a sua matricula pelo o MUTUE (mutue.co), disponível no site uma.co.ao.

O diagnóstico académico tem como objectivo mapear as competências académicas dos candidatos em relação ao mínimo requerido para o grau académico de mestre. Este diagnóstico consiste em um exame escrito sobre a motivação do aluno em completar o mestrado, interpretação de funções da linguagem e relações textuais e a produção de textos que usam linguagem processual, referencial e estatística. A entrevista (optativa) explora aspectos ligados a prontidão, habilidade de obter dados e disponibilidade do candidato para completar as fases lectiva e investigativa. Ela pode não ser usada, se a avaliação documental e o diagnóstico académico fornecerem informações suficientes para a admissão. Caso a entrevista não seja viável, os candidatos que não tenham satisfeito todos os requisitos de entrada, poderão completar um plano de estudos independentes. Os resultados da avaliação indicarão se este for o caso. Os requisitos de entrada diferem de curso para curso e são definidos pelas comissões científicas que assessoram o processo de admissão dos candidatos.



ÁREAS GERAIS DE INVESTIGAÇÃO

Neste momento, existem quatro (4) áreas gerais de investigação (linhas de pesquisa) para os Mestrados, nomeadamente:
  • Auditoria & Contabilidade
  • Economia & Gestão Aplicada
  • Economia, Ordenamento do Território & Desenvolvimento
  • Gestão Ambiental
A linha de pesquisa de Auditoria & Contabilidade reveste-se de grande significância em Angola por permitir que se crie literatura nova com o potencial de ajudar as empresas a entenderem as suas limitações e oportunidades para crescer em rentabilidade.
O Mestrado em Auditoria oferece ao candidato, uma possibilidade de explorar a relação entre os vários factores financeiros que determinam as diversas estruturas de custo e as margens de rentabilidade. O Mestrado em Contabilidade identifica dados contabilísticos que podem informar o melhoramento da gestão empresarial.
A linha de pesquisa de Economia & Gestão Aplicada oferece aos candidatos múltiplas possibilidades de crescimento investigativo. Com mestrando em Economia, o candidato pode ganhar uma perspectiva critica e avaliativa sobre os vários parâmetros micro e macroeconómicos como a inflação e as recessões.
O Mestrado em Gestão Aplicada avança o conhecimento no domínio da administração empresarial. Nesta linha de pesquisa, o mestrando explora factores empresariais, económicos, políticos e idiossincráticos que influenciam o desempenho administrativo.
A linha de investigação associada ao Ordenamento do Território e Desenvolvimento investiga as vertentes teóricas e prácticas associadas a aplicação das leis de administração pública do território na planificação, implementação e avaliação das actividades de gestão territorial.
O Mestrado em Gestão Ambiental permite o/a estudante pesquisar aspectos específicos relacionados com o meio ambiente e criar literatura relevante a sua gestão. Entre outros tópicos, este grau académico explora, de forma integrada, a relação entre os aspectos químicos, biológicos, físicos e ambientais dos recursos hídricos.

ESTRUTURA

Os mestrados na Universidade Metodista de Angola estão organizados em duas fases, nomeadamente a lectiva e a investigativa. A fase lectiva (curricular) prepara o mestrando em aspectos temáticos, linguísticos, académicos e investigativos. Esta fase enfatiza a aprendizagem de métodos de investigação qualitativa e quantitativa bem como as várias fontes de dados que apoiarão a fase investigativa. Ela também desenvolve no mestrando um leque de habilidades académicas como a critica, a interpretação de textos académicos, a produção de textos académicos, a estruturação de artigos científicos, a avaliação de literatura seminal etc. A fase curricular é ministrada por intermédio de doze módulos. Os módulos preparam o mestrando nos vários aspectos do saber relacionados as áreas específicas de investigação cientifica escolhidas pelos mestrandos. Nesta fase lectiva o mestrando é avaliado com base em perfis de saída. Os perfis de saída indicam capacidades ou habilidades académicas que são uteis à compilação e apresentação da dissertação.
Os mestrados são regidos por um Regulamento e uma série de Procedimentos detalhados e escritos. Os docentes que lecionam os mestrados apresentarão e explicarão os conteúdos destes dois instrumentos de consulta e orientação dos mestrados.

PROGRESSÃO

Os mestrados na Universidade Metodista de Angola são feitos em dois anos, cabendo ao primeiro a frequência lectiva e ao segundo a finalização da investigação sob orientação directa que culmina com a defesa da dissertação.
Inicialmente, o candidato tem as suas habilidades académicas diagnosticadas e posteriormente é colocado em uma de duas turmas. A primeira turma, com maiores habilidades académicas, dedica-se a apresentação de um resumo literário no primeiro mês da fase lectiva. O segundo grupo, com necessidades académicas mais acentuadas, recebe aulas de preparação pós-graduada para no terceiro mês da fase lectiva apresentar um resumo literário sobre a sua área específica de investigação. A fase lectiva enfatiza aprofundamento do conhecimento da literatura relevante as áreas especificas escolhidas pelos candidatos, a criação de protocolos de cooperação para facilitarem a obtenção de dados, a apresentação de agentes importantes nas áreas escolhidas pelos candidatos por intermédio de seminários ministrados por esses agentes, a avaliação critica de artigos científicos relevantes as áreas escolhidas pelos candidatos, a capacitação académica dos candidatos como futuros cientistas e o aperfeiçoamento no uso de linguagem académica.

Uma vez resumida a literatura, o/a candidato/a submete o tema da sua candidatura e um pré-projecto (proposta de pesquisa). A proposta de pesquisa deve incluir, no mínimo, o seguinte: o tema com duas frases bem definidas (a primeira sobre a área especifica de investigação e a outra sobre a metodologia que pretende aplicar ou sobre as perguntas que propõem), o resumo da literatura associada a área específica de investigação (literatura temática), um resumo da literatura associada a metodologia que propõem seguir ( literatura metodológica), três a quatro perguntas de pesquisa e no mínimo vinte e cinco referências bibliográficas directamente relacionadas à literatura temática.

Logo que o tema e a proposta sejam avaliadas positivamente por uma comissão científica, o/a estudante terá a sua Candidatura Confirmada pelo Conselho Científico , se forem satisfeitos todos requisitos académicos. A não confirmação da candidatura impede o/a Candidato/a de prosseguir com o tema e/ou metodologia escolhida. Neste caso, o/a candidato/a poderá ser aconselhado/a a escolher uma outra área específica para investigar.

A confirmação da candidatura permite também que o/a estudante prossiga para a faze investigativa, tão logo complete os módulos nucleares da faze lectiva. No final da faze lectiva, o/a estudante com a candidatura confirmada é apresentado/a à um ou dois Orientadores que o/a ajudarão a refinar a revisão da literatura, recolher dados, analisar dados de forma cientifica, reportar os resultados das analises, preparar a dissertação e submetê-la ao exame de qualificação antes da defesa. A orientação limitar-se-á a providência de apoio para que o/a estudante entenda as exigências académicas do mestrado. O Orientador está expressamente proibido de executar qualquer tarefa práctica, para além da correcção, que permita a finalização da dissertação sob pena de acção penal. Nesta fase, o Orientador presta maior atenção aos méritos da metodologia usada pelo aluno, ao rigor da sua aplicação, a transparência na sua descrição e a contribuição cientifica da dissertação.

A fixação com a perfeição linguística da dissertação por parte do Orientador pode ser prejudicial a/ao estudante, principalmente quando esta existe em detrimento da atenção aos aspectos estruturais da dissertação, bem como à sua significância científica. Em casos em que o/a estudante apresenta muitas debilidades linguísticas, o segundo Orientador deve velar pelo os aspectos linguísticos.

O exame de qualificação antecede a defesa pública. Ele permite que o aluno receba uma avaliação prévia da qualidade da sua dissertação. Para mais informações sobre ambos eventos académicos, consulte o Regulamento dos Mestrados bem como os Procedimentos de Gestão dos Mestrados que fornecem informações adicionais especificas sobre cada uma das fazes da dissertação

Rua Reverendo Agostinho Pedro Neto, esquina com rua Nossa Senhora da Muxima, Bairro Kinaxixi, Luanda.

2020 © Todos os direitos reservados à Universidade Metodista de Angola